Peritos do INSS voltam ao trabalho, mas greve continua; espera pode chegar a seis meses

Médicos peritos do INSS voltaram ao trabalho em todo o País nesta segunda-feira (25); mas o retorno é parcial. Os profissionais decidiram manter o estado de greve porque não tiveram as reivindicações atendidas. Só terão direito ao atendimento pessoas que estão em fase inicial da aposentadoria e ainda não passara pelo instituto. Mesmo assim, a demora ainda é grande: a espera pela perícia pode chegar a até seis meses. Desde o início da paralisação, em setembro do ano passado, mais de um milhão de perícias já deixaram de ser feitas.

Entrevista da Dra. Adriane Bramante para a Rede Record

Compartilhe:

Voltar

 

Desenvolvido por In Company